Pegue uma xícara, sirva-se e fique à vontade.

21 janeiro 2010

Ensaio sobre a cegueira


Quando a vida lhe parecer braille,
Cheire
Escute
Deguste
Mensure
Misture
e sinta o que está do lado de dentro.

Postado por: Wacinom
Hora: da cegueira
Data real: 29/12/2008

10 comentários:

DaniNeves disse...

Monicat´s,
vc é O CARA!
Adorei.
Beijocas

Dominique disse...

Sem comentárioooos! Frase Perfeita!

Aproveitando a visita, vim avisar que tem um convite para vc lá no blog. ;)

Bjs!

direitinho disse...

Gostei muito
A verdade encontra-se perdida na contradição das palavras como também em tantas posturas erradas da vida

Ítalo do Valle disse...

genial!!! gostei muito!!!!


bjo grande!

Anônimo disse...

Como sempre, belíssimas composições. A verdade que você nos mostra reside no simples fato de você abordá-la tão diretamente, não deixando quaisquer espaços para refúgios. Saudades daqui, desculpe a ausência. ;)

Um beijo!

Maria João disse...

Na cegueira dos olhos vendados, quanta falta nos faz, às vezes, sentir a vida como se fosse braille!

Bom... Muito bom!
Um abraço

Barros disse...

Pena não poder ter vindo aqui mais vezes. Está muito bom!
Abraços

Anônimo disse...

ai ai... passo mal com tal sensibilidade!

Adoro te ler por dentro e por fora!

Beijos!

Anônimo disse...

Ah, tenho que contar, gostei tanto desta pérola que postei no meu blog, tomara que não se importe! ^^

Anônimo disse...

Ensaio sobre a cegueira está no meu desafio literário, ainda nem comprei o livro, mas to ansiosa para ler!
só isso que vc escreveu já me deixa ainda mais ansiosa!
passa lá no Sempre Romântica E COMENTE TBM, É SEMPRE UM PRAZER!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails